Escrever sobre o Natal é o que mais se está fazendo. O tempo todo estamos desejando um Feliz Natal, ouvimos músicas sendo tocadas em lojas e restaurantes e entramos e saímos freneticamente de lojas. Até quem não é cristão não consegue passar ao largo por esse período. O Natal acaba tomando todos os espaços, todas as casas, todas as mentes. Para definirmos essa época, apenas dizemos: É Natal.

O Natal é mais! É mais do que um período, um momento histórico a ser relembrado, um espaço na agenda para lembrar do outro. Natal é o nascimento de Deus! É a chegada do Verbo de Deus para fazer uma tenda entre nós. É a realização de todos os sonhos dos profetas. É a mais profunda das provas de amor. Quando seriamos capazes de nos misturar com quem amamos a ponto de nossas naturezas se entrelaçarem? Seria possível o pai fazer com que seu amor fosse provado, aderindo à mente do próprio filho, células, pele, órgãos, alma, sonhos, ideais, tudo absolutamente junto? Isso foi possível entre o Deus Todo-Poderoso e a humanidade.

O Natal é a chegada de Deus para dividir a história. É a vinda do Senhor da Vida entre os mortais. É a mais perfeita união entre a eternidade e a ínfima vida do homem e da mulher. E a força desse evento vai falar mais uma vez esse ano. O poder da Presença de uma frágil criança produz em cada um a certeza de que tudo o que recebemos de Deus pode começar pequeno e indefeso, mas este pequeno projeto, esse pequenino e aparente indefeso, crescerá e se tornará grande e extraordinário, com suas implicações desenvolvendo-se perpetuamente.

Jesus é o grão de mostarda da sua parábola: a menor das sementes, desenvolvendo-se se torna a maior de todas as hortaliças, a ponto das aves do céu se aninharem em seus ramos. O nascimento de Deus é a possibilidade de, em minha e na sua vida, Ele chegar, vindo morar para transformar absolutamente tudo. Deus que nasce na manjedoura, é o milagre para o presente que anuncia o Rei da Gloria, em todos os aspectos da vida, agora.

Nesse Natal, não perca tempo com o fútil, com o passageiro. Mesmo que vá comprar presentes ou preparar jantar especial, olhe através da janela. Lá do outro lado, lá em cima, há Alguém, realmente dando sentido a tudo. Jesus, assentado no Trono, à destra do Pai. O menino que nasceu, morreu e ressuscitou. Faça desse período de Natal um passo para sua mudança.

Que nasça, como um grão de mostarda um lindo sonho, que possa se desenvolver e crescer para a Glória de Deus. Feliz Natal!

Por Jesus e pelo Seu Reino,

Edney Melo

20111223-114453.jpg

Anúncios